Bairro Alto

A efervescência aqui vivida atrai um vasto público, quer nacional quer estrangeiro, que faz do Bairro Alto o seu ponto de encontro, de lazer e de diversão. A cultura do bairro é a do convívio e da partilha, seja de momentos de encontro ao final da tarde ou de animação noturna, seja de ideias ou experiências que o vão renovando e um dos bairros típicos lisboetas que é também um dos mais modernos. Se por um lado isto se deve ao espírito da população que procura a animação noturna dos bares que aqui existem às dezenas e que sempre caracterizaram o Bairro Alto por outro esta vivência continuada fez com que os jovens, e não só, viessem habitar o bairro tornando-o não só um espaço de lazer mas também e novamente residencial.

A vizinhança faz-se assim hoje em dia entre a população tradicional e a moderna, jovem, empreendedora e artística. Esta mistura, tolerância e criatividade sentem-se na vivência e na oferta diversificada e trendy tendo o Bairro Alto uma das maiores concentrações de restaurantes e bares, lado a lado com  ateliers,espaços de tatuagens, lojas de referências e de multimarca.

No topo de uma colina, uma das mais centrais, e circundado por dois incontornáveis miradouros, o de São Pedro de Alcantâra e o do Santa Catarina, popularmente chamado de miradouro do Adamastador, o Bairro Alto oferece fantásticas vistas, uma luz especial e uma cultura de encontro para milhares de Lisboetas ao final do dia.