Letreiros de Lisboa e tatuagens são as novas exposições do MUDE

O MUDE vai mostrar um conjunto de letreiros em novembro e também pretende inaugurar uma exposição dedicada às tatuagens

O edifício do museu fecha as portas, mas a programação continua. Esse tem sido o lema do Museu do Design e da Moda para o período em que vai estar encerrado e continuará em novembro com a abertura de uma mostra de letreiros da cidade a inaugurar na baixa.

O acervo que será mostrado pertence a Rita Múrias e Paulo Barata, designers, dois caça-letreiros que fizeram uma amostra do que se poderá ver na nova exposição em maio, no Convento da Trindade, em Lisboa, em parceria com o Clube de Criativos de Portugal.

A segunda exposição em marcha, também em local ainda a determinar, dedica-se às tatuagens da primeira metade do século XX, a partir do acervo do Instituto de Medicina Legal. Deverá abrir em dezembro deste ano.

Até lá, fruto da colaboração com o Museu de Arte Contemporânea de Elvas, está em exposição no Pátio da Galé e na cidade alentejana a exposição em dois momentos Abaixo as Fronteiras! Vivam o Design e as Artes, que pode ser visitada até 25 de setembro.

Fonte: Diário de Notícias

Anúncios