New York Times redescobre o ‘charme’ do Porto

O influente jornal norte-americano publicou guia do melhor da Invicta para fazer num fim-de-semana.

O New York Times actualizou as suas propostas para o Porto com um novo guia de “36 horas em…”. Assinado pela jornalista Nell McShane Wulfhart, especializada em turismo e viagens (e com fotos de Daniel Rodrigues), a reportagem reparte 13 propostas – entre bares, restaurantes, atracções ou lojas – por um final de sexta, sábado e domingo.

Para a autora, o seu passeio vai à descoberta desta “cidade de charme” que “combina o melhor do novo e do antigo”, entre “edifícios deslumbrantes dos séc. 18 e 19”, “novos bares indie e restaurantes com uma cena descontraída”, um “vinho excelente”, um “centro para percorrer a pé”, “o amor da cidade à comida e design”… Em resumo, conclui: “é difícil encontrar algo para não gostar no Porto”. Bom conselho: o passeio deve combinar a “grandeza da história com o seu lado cool em cima da onda”. E por onde se passeia a especialíssima visitante?

A rota inclui, entre outros, património imperdível como a estação de São Bento, a Sé e os Clérigos, a Ribeira e as caves em Gaia – até um passeio de teleférico em Gaia. Com um salto ao Centro Português de Fotografia, há ainda tempo no fim-de-semana para restaurantes como o Cantinho do Avillez, as sanduíches do Stash de Pedro Lemos, a cozinha do Caldeireiros ou da cervejaria Brasão e petiscos da Trasca ou Porta’O Lado (onde prova a inevitável francesinh mas em versão mini). Nas guloseimas, a Confeitaria Serrana e a gelataria Cremosi.

No mapa, ainda lojas como a Porto in a Bottle, a Touriga Vinhos de Portugal e a Vinologia Garrafeira AMS, visitas ao Centro Comercial Bombarda e às arte da rua Miguel Bombarda, compras nas lojas Feeting Room ou A Vida Portuguesa e Mercado 48 ou um salto ao bar Candelabro e ao Armazém. O descanso é recomendado nos alojamentos turísticos Mercador Guesthouse e White Box House.

 

Fonte: Fugas

Anúncios